Publicidade:

terça-feira, 14 de julho de 2015

Resenha : Russian Railroads


Jogamos outro dia o Russian Railroads, que apesar do nome remeter aos jogos de trem "pick and delivery" na verdade é um worker-placement muito bacana e ótimo para quem gosta de maximizar pontos.

No jogo estamos competindo para construir a maior e melhor ferrovia, para isso usamos nossos trabalhadores para avançar nossos trilhos, construir indústrias e contratar engenheiros.

Visão geral da mesa durante a partida.

O turno funciona da seguinte maneira : o jogador escolhe um dos (muitos) lugares disponíveis para realizar ações com seu(s) trabalhador(es) e aquela ação é executada imediatamente. Todos repetem o processo até que todos passem, então pontuamos a rodada.

Um das coisas bacanas do Russian Railroads é justamente acompanhar essa progressão de pontos, pois nas primeiras rodadas você começa ganhando 5/10 pontos e no final do jogo você já está beirando os 200 pontos por rodada!

O tabuleiro que traz formas distintas de pontuação
para os jogadores.

Outra coisa que eu achei muito boa no jogo foi a questão dos níveis de trilhos. Você tem cinco tipos diferentes e que dão mais pontos conforme vão entrando no jogo, mas para o melhor conseguir pontuar bem, você tem que andar com os que pontuam menos, e isso exige um planejamento sinistro.

Enfim, o Russian Railroads é um grande euro, cheio de decisões a serem tomadas, com muitas escolhas de como pontuar melhor e que apesar disso tudo, ainda é jogado num tempo bastante aceitável.

Nenhum comentário: