Publicidade:

quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Arrrrr.... Chegou o Butim!

Finalmente a espera terminou e ontem ao chegar em casa estava o pacote da Papaya Editora me esperando com a minha cópia do Butim.

A estimativa inicial era que o jogo chegaria aos financiadores em janeiro desse ano, mas muita coisa deu errado no processo (como havíamos falado por aqui) e só agora começamos a receber o jogo.

Todos os componentes abertos para verificação.

Já falei da jogabilidade dele num post (e participando do vídeo do Jack), então vou me ater apenas aos componentes que foram entregues.

A caixa está muito boa, rígida e com a impressão bonita, as cartas estão mais finas do que eu esperava, com laminação brilhosa e para desespero de alguns o verso da expansão difere um pouco (no meu caso, muito pouco) das cartas do jogo base.

Dois decks do jogo básico e a expansão "Mar de Sangue".

Os cubos de madeira estão legais, só achei equivocada a escolha da cor dos "marujos", os discos preto, roxo e azul se parecem muito entre si, então numa partida com menos gente o melhor à fazer é evitar que estas cores estejam juntas na mesa.

O saquinho para sorteio dos cubos é muito bonito e resistente e o screen dos jogadores também está ótimo.

As pecinhas de madeira (algumas cores bem próximas).

Outra reclamação recorrente é a questão do manual que está confuso, ainda não posso dar minha opinião à respeito, pois não li regras novamente para ver se está ou não clara.

Acho que o resultado do Butim final ficou bastante satisfatório, erros aconteceram e acredito que sirvam como aprendizado para o Luis e a equipe Papaya para os futuros projetos (espero que eles não tenham desanimado).

Cartinhas finas, mas com impressão boa.

Nenhum comentário: