Publicidade:

segunda-feira, 25 de agosto de 2014

Castelo com Campeonato de Catan

Nesse sábado rolou um Castelo das Peças muito especial, primeiro por conta da presença da Conclave, da Taberna do Dragão, da Riachuelo Games e da Ace Studios e depois (mas não menos importante) pela etapa carioca do Campeonato Brasileiro de Catan realizado em parceria com a Grow.

Com tantos eventos importantes rolando, cheguei bem cedo à UVA e de primeira fui conhecer o badalado Masmorra de Dados, que vai ganhar post exclusivo amanhã com resenha e gameplay, mas vale dizer que se você ainda não colaborou, está perdendo tempo... JOGAÇO!

Muitas mesas, muitos jogos no Castelo desse mês.

Depois fui aprender o Fortaleza de Berdolock, que também vai ganhar post exclusivo, mas é outro que ainda esse ano sai em versão print-and-play e está com arte bacanuda, miniaturas lindas e regras que agradaram bastante.

No decorrer da tarde, começou a etapa carioca do Campeonato de Catan, que esse ano acabou fazendo menos sucesso do que a edição de 2012 (talvez por menos divulgação por parte da Grow que antes tinha um site exclusivo para o evento).

Masmorra de Dados passando (com méritos) pelo controle de qualidade.

Com 8 participantes foram montadas duas mesas, de onde sairiam os quatro finalistas.

Eu fiquei em uma mesa boa e rápida, em pouco mais de 40 minutos de partida tínhamos fechado os 10 pontos, com o Valter em primeiro eu e o Will empatados em segundo e o Carlos em terceiro, saí da mesa final pelos critérios de desempate.

A segunda mesa demorou muito mais, foram mais de duas horas e meia de partida para definir o Marcos em primeiro, Marcelo e Mike em segundo e o Eduardo em terceiro (com o Marcelo entrando pelo desempate).

Mesa final do Campeonato Brasileiro de Catan.

A mesa final foi tranquila para o Valter que conseguiu ser o campeão e assegurou sua vaga na grande final que vai acontecer em São Paulo, o segundo colocado foi o Marcos seguido pelo Marcelo e Will.

Por não ter chegado à mesa final ainda deu tempo de conhecer o Tash-Kalar do Vlaada, com resenha ainda essa semana e jogar mais uma partida do Masmorra com direito a muito bate-papo com o Patrick e o Daniel que são gente finíssima.

E o grande campeão da etapa, o Valter Bispo (de azul).

Só não consegui jogar o Midgard do pessoal da Conclave, mas depois coloco no ar a resenha feita pelos amigos do Guadalupeças que curtiram muito o jogo.

E para finalizar, vale o registro que nessa edição a maioria esmagadora dos jogos que viram mesa foram edições nacionais, estamos finalmente chegando num ponto em que o mercado tem jogos suficientes para encher um evento do porte do Castelo das Peças, que registra mais de 50 pessoas por edição.

Outro que eu ainda não consegui jogar, mas o Vaporaria tá na lista!

3 comentários:

Alexander "Shamou" Costa disse...

Cacá só para constar essa edição teve 78 pessoas que apareceram

Carlos "Cacá" disse...

Maneiro Shamou, deu gente pra caramba mesmo esse mês!

Aline Costa disse...

Ainda não jogou Vaporaria? Está perdendo. Jogaço. Queria ter jogado o Masmorra de Dados. Midgard é bom demais, quando eu conseguir comprar (sumiu da Redbox e da Toys O_o), vai rolar um texto caprichado no Turno Extra, porque o jogo merece.