Publicidade:

terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Resenhas : Coup e Love Letter

Dois jogos que durante Essen fizeram sucesso e tiveram suas tiragens esgotadas rapidamente foram os fillers Coup e Love Letter.

Totalmente despretenciosos, os dois jogos primam pela velocidade das partidas e simplicidade das regras e por já estarem esgotados, também pela quantidade de "versões" disponíveis no BGG.

Um pouco agora sobre os jogos. O Coup é um jogo de dedução e blefe para até 6 jogadores. Cada jogador recebe 2 cartas fechadas no início da partida que são os poderes que ele terá e também a marcação de vida do jogador.


O objetivo é ser o último a ser eliminado, e você elimina uma carta do jogador através de ações das cartas ou quando você é desafiado ao usar um poder que teoricamente não é o da sua carta.

O Love Letter, que teoricamente só jogam 4 mas dá pra se adaptar para 8 jogadores, vai pela mesma linha de dedução, mas nesse caso o jogador recebe uma carta no início da partida, compra uma na sua jogada, faz a ação de uma das duas e descarta a não usada.


O objetivo é ter a maior carta dentre os jogadores sobreviventes, no final da fase de compras.

É isso, ambos funcionam bem e divertem na medida certa. Eu curti mais o Love Letter que tem um "feeling" do Citadels (muito pela arte e pelos personagens), mas você pode perfeitamente ter os dois na coleção, que serão boas pedidas (e nem vão ocupar tanto espaço na prateleira).

Nenhum comentário: