Publicidade:

sexta-feira, 6 de julho de 2012

Spaghetti com aliens, clãs e goblins

Ontem foi dia de voltar ao Spaghetti depois de um tempão de ausência, é sempre legal passar por lá e rever os amigos e claro, jogar alguma coisa.

Nessa visita consegui jogar três jogos pela primeira vez, o primeiro deles um que já estava na minha mira há tempos, o Alien Frontiers.

 O tabuleiro do Alien Frontiers e suas áreas.

Ele é um jogo de alocação de dados muito bacana com temática espacial e regras simples, semana que vem ele vai merecer uma resenha detalhada, mas vale dizer que eu curti muito o jogo.

Na nossa partida depois do Claudio e do Eduardo darem bobeira e deixarem escapar a vitória o Armando fechou a partida com o Eduardo em segundo, eu em terceiro e o Claudio em último.

Depois partimos para uma partida com três jogadores do Glen More.

 Os clãs do Glen More crescendo seus domínios.

O Armando estava lembrando as regras de cabeça, porque o jogo que tem lá no Spoleto é em alemão, por isso há a possibilidade de termos jogado alguma coisa errada. Mas o jogo é basicamente um tile placement com uma regra interessante de ativação das ações.

A partida foi bem rápida e no final o Armando ganhou outra, comigo em segundo e o Eduardo em terceiro.

Para fechar a noite um Card Goblins, que é um card-game muito parecido com a idéia do Munchkin, mas com uma pegada mais engraçadinha ainda.

 As cartinhas do Card Goblins e sua arte muito caprichada.

Esse é outro que vai merecer uma resenha mais detalhada, mas a mim incomodou a duração do jogo. Na minha opinião, jogos farra tem que ser rápidos, ou começam a perder a graça.

A nossa partida deve ter durado mais de uma hora e nós diminuímos o jogo para dois pontos de vitória (ao invés dos três da regra) para adiantar a parada.

Mais uma vitória do Armando que dominou as mesas dessa quinta.

3 comentários:

keymaker disse...

Realmente no card goblins as partidas ficam muito longas quando os jogadores não querem perder a board position.

Aqui melhorou significativamente o tempo de partida quando os jogadores que tem vantagem na mesa sacrificam suas criaturas para conquistar tralhas.

Cacá disse...

Nada... aqui a gente sacrificou direto... talvez não tenha ficado claro o lance da pontuação...

Cada tralha vale um ponto ou só quando você consegue as combinações???

keymaker disse...

O jogador pontua revelando as combinações de cartas uma vez a cada turno, tipo revela ganha um ponto vira as cartas de face para baixo e no próximo turno pode revelar novamente a mesma combinação e ganhar + um ponto e assim por diante.

No caso do Necronomicon vc pode sacrificar quantas invocações quiser no mesmo turno e até mesmo ganhar o jogo dessa maneira.

E o Estandarte vc só pode revelar uma vez por turno após um ataque bem sucedido, começando pelo turno seguinte ao que vc conquistou o Estandarte.