Publicidade:

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Ventura na casa do Márcio

Ontem depois de chegar em casa e perceber que o prédio estava todo apagado, Márcio gentilmente cedeu sua mesa para mim e para o Rogério estrearmos o Ventura, um dos muitos lançamentos de 2011 da Fantasy Flight.

Numa linha geral, ele é um jogo de conquista de território e grana para obtenção de pontos de vitória, o jogo pode terminar de duas formas, ou alguém faz 30 pontos, ou alguém conquista a capital de algum adversário.


Vista geral dos tabuleiros e das pecinhas.

O tabuleio é todo modular, o que confere uma rejogabilidade bacana e os combates tem pouca (ou quase nenhuma) sorte envolvida, ideal para galera mais "chata" com os dados.

Mas o jogo é esquisito, ele tem tudo para ser bacana, mas tem umas paradas meio estranhas, tipo, se todos os 3 jogadores ficarem numa de fazer castelinho de areia o jogo vai ficar assim até o final e quem conseguir administrar melhor a pontuação ganha sem rolar porrada.

Já sair pra porrada pode ser uma coisa complicada, pois os exércitos são difíceis de montar e as porradas são sangrentas o suficiente para você (mesmo se for o lado vencedor) ficar depauperado e exposto para um outro inimigo.


Um zoom nas pecinhas bem bacanas do Ventura.

Enfim, não é mau jogo, mas ele tem algumas coisas esquisitas, vale jogar outras partidas para ver se deixamos escapar alguma coisa ou se simplesmente ele tem esses problemas de design.

Jogamos duas partidas, ambas vencidas pelo Márcio. Na primeira ele veio de malcriação pra cima da minha capital que não estava bem guarnecida e na segunda partida ele ganhou pelos 30 pontos uma vez que eu não consegui derrotar a capital do Rogério (em cada uma das partidas eu e o Rogério revezamos a segunda colocação).

2 comentários:

LuA disse...

Vc nao ia aparecer no Spoleto?!?

O povo tava animado... vc fez falta!

Bjs

Cacá disse...

Ia, mas aí rolou de ter que passar em casa por conta do prédio sem luz, fiquei pela tijuca mesmo...

Semana que vem vou lá pra ver se o Leandro leva o Discworld!!