Publicidade:

segunda-feira, 28 de março de 2011

Resenha : Battleground



Nós que estamos nessa dos jogos sabemos o quanto é legal abrir uma caixa lotada de pecinhas e miniaturas e tals. Isso nós, adultos, algumas vezes até senhores já. Imaginem para uma criança?

Pois bem, eu comprei para o meu afilhado de natal (e só consegui entregar esse fim de semana) o Battleground.


Os Knights preparados para a batalha. Foto BGG.

O jogo nada mais é que duas facções (Orcs vs. Knights) batalhando para ver quem destroi o portal do inimigo primeiro. Aí você pergunta sobre mecânica, se tem dados, habilidades dos exércitos, não tem nada disso.

Temos basicamente lançadores de pecinhas impulsionadas por elásticos (catapulta, canhão e crossbow) para ir derrubando as pecinhas dos outros. Tem coisa mais divertida? Claro que não, se você tem 6 ou 7 anos.


E os Orcs também não serão derrotados facilmente. Foto BGG.

Acabou que passamos uma tarde super legal, eu e meu muleque, o meu afilhado e o pai, vendo quem conseguiria destruir mais coisas. Boas risadas foram dadas e eu tenho certeza que o jogo fez sucesso e super recomendo àqueles que tem filhos nessa idade, ou sobrinhos, ou afilhados. É certeza de diversão.

3 comentários:

opiumseed disse...

Leva para o espaguete de porrada!!! Vai ser o novo Loopin Loui

Carlos disse...

pô, pior que eu tô sem nenhum... eu dei o pro meu sobrinho, mas vou acabar comprando outro... =D

Leandro Zombie disse...

valeu o post, cacá.

Há algum tempo que eu queria saber algo sobre esse jogo