Publicidade:

domingo, 13 de janeiro de 2008

EXPO JOGOS



Esse sábado fui dar uma conferida na Expo Jogos, que está acontecendo aqui no Rio. Fui por dois motivos, o primeiro por que sempre é hora de juntar os amigos para jogar alguma coisa, o segundo, coincidiu eu estar na barra.

Bem, logo ao entrar você vê que o espaço é pequeno, mas que tá bom, pois o lugar devia ter no máximo umas 30 pessoas (contando os expositores). Você percebe que a atenção principal do evento vai para os jogos de video-game. Algumas exposições são bem bacanas, como as do Wii e do Guitar Hero (jogo do Playstation 2).

Mas e os jogos de tabuleiro? Bem, esses são representados pela GROW (que expõe o básico da sua linha), um estande de jogos artesanais (que tinha uma versão do Crokinole que foi devidamente testada... hehehhehe), um estande de Xadrez e o estande do Castelo das Peças (o único a apresentar os jogos modernos).


Cuba já na contagem final de pontos.

Lá tive a oportunidade de ver o Cuba (mas quando cheguei o jogo já estava acabando), joguei o Wings of War (vedete do momento no BG-BR cujo o coro eu reforço de que o jogo é muito divertido e rápido), e pude estrear o meu Factory Fun (resenha e impressões acima).

Ficou a impressão de que um evento assim no Rio deveria ser feito de outra forma, pois mesmo tendo como "target" a galera do video-game (que acredito ser maior que a dos jogos de tabuleiro), não está dando ibope nenhum. Uma pena.

Nenhum comentário: