Publicidade:

domingo, 27 de janeiro de 2008

Castelo das Peças... Veio pra ficar



Esse último sábado (dia 26) rolou o primeiro Castelo das Peças de 2008, e logo de cara deu pra perceber que esse é um evento que veio pra ficar no calendário mensal dos jogadores no Rio de Janeiro.

Casa cheia, muitos jogos, gente bacana e num lugar de fácil acesso e boa infra-estrutura (já que conta com comida e ar-condicionado, afinal é um Bob's).

Cheguei lá já eram quase 19:00h, e tinham umas 30 pessoas jogando os mais variados títulos (que iam desde o Catan de 96 até o Utopia de 2007). Coloquei meus jogos nas mesas de escolha e fui procurar alguma coisa para jogar.


As mesas com jogos clássicos e novidades para todos os gostos.

Logo para começar joguei uma partida com 4 pessoas de Wings of War: Dawn of World War II, jogo rápido, divertido e fácil de explicar, a galera que jogou comigo pareceu se divertir muito e gostar do jogo.

Partida terminada fui apresentar o Loot para outra galera, jogamos em 5, então foi no esquema "cada-um-por-si", outro jogo rápido, divertido e fácil de explicar, já comentei sobre ele, mas reforço que é um bom filler.


Visão geral da galera jogando.

Aí comecei a jogar umas paradas mais "sérias" e parti para um Factory Fun, que é o meu jogo preferido atualmente, a cada partida eu gosto mais dele, jogamos em 4 e mais uma vez foi bem disputado (entre os dois primeiros), e cada vez mais eu pego a manha do jogo, ganhei a partida com uma fábrica de 80 pontos.

Depois parti para outro jogo que apesar de estar gostando muito, eu não jogo nada, o Space Dealer, jogamos em 4 e apesar de ter ficado em último (isso se não contarmos o abandono de um jogador, mas que em nada influencia no resultado) eu vejo que estou começando a pegar a manha dele. Ainda está bem na minha cotação.


Setup inicial do Space Dealer para 4 jogadores.

Terminado Space Dealer caí dentro de um jogo de "porrada" que eu gosto muito, Nexus Ops, é o tipo de jogo que você TEM que apresentar para aquele seu amigo que só conhece o WAR e acha foda. No Nexus, você tem uma série de tipos de unidades, cada um com seu poder especial, ganha o jogo quem fizer 12 pontos primeiro, você ganha pontos cumprindo missões.

Ele é bem simples, mas é o tipo de jogo que não dá pra ficar fazendo "castelinho-de-areia", tem que cair matando senão não pontua. A nossa partida foi boa, mesmo com 2 estreantes no jogo (e sim, isso faz diferença). Ganhei a minha segunda partida na noite.


Partida em andamento e detalhe das minhas unidades.

Dalí resolvemos estrear o meu Lost: The Boardgame, fizemos uma mesa com 5 jogadores e começamos a jogar. Bem, eu comprei esse jogo por duas razões: a primeira, eu sou fã da série e a segunda, estava barato. Mas se não houverem mudanças RADICAIS na regra, ele nunca mais vê mesa. O jogo é ruim, desbalanceado e confuso. Uma decepção.


Apesar da arte ser caprichada, o jogo é bem ruim.

Para terminar a noite tive que jogar alguma coisa leve e divertida, partimos para um Saboteur, éramos 7 na mesa e foi uma das partidas mais loucas que eu já joguei dele. Nesse jogo somos anões que tem que montar a caverna para chegar a pepita de ouro, só que no meio dos anões trabalhadores temos uns sabotadores, que utilizam de artimanhas para impedir que os bonzinhos cheguem ao seu destino.

Isso funciona bem na teoria, o que o jogo não prevê são os anões randômicos, que não sabem se são bons ou ruins e jogam "a moda caralho", dando um toque de caos à mais. Enfim, rende muita risada, eu acho que esse é um dos grandes jogos para grandes grupos (cabem até 13 "anões").


Anões tentando chegar no ouro, isso se os
sabotadores deixarem.


Aí nisso já eram quase 4 da manhã o sono já estava me vencendo, e apesar de ainda querer jogar várias paradas (tirando o Lost eu já tinha jogado todos os outros) vou ter que deixar para uma próxima oportunidade, afinal Castelo das Peças tem todo mês.

2 comentários:

Guilherme Rodrigues disse...

Muito bom o Report. Principalmente o comentário dos anões randômicos.

O top da noite pra mim foi?

1) Anões Randômicos
Sobre os anões randômicos. Uma pessoa que estava na mesa reclamando dos anões randômicos, acabou com o meu jogo na terceira rodada porque "viu na minha aura" que eu era um Saboteur.

2) Twilight Cartagena
Isso que dá jogar cartagena com a regra errada. 2h de jogo.

3) Twilight RftG
Mesa com Amanda e Kisney sempre ganha "twilight" antes do nome do jogo.

Cadu disse...

Eu me amarro em ler os reports das jogatinas em que a gente participa.
Excelente seu report Cacá. E o blog nem se fala. Parabéns.